Pesquisar neste SITE

domingo, 3 de outubro de 2010

UM MINUTO DE ARGÚCIA

                                                                               Poesia de № 028

Eu só te peço
Que me dê
Um minuto do seu tempo
Pra te dizer um pouco
De tudo ao mesmo tempo
               
Com isso
Você fica confusa
Sem saber o que fazer
Mas entende o amor
Que sinto por você
               
Então, já começa a se lembrar
Das rosas que eu mandava
E você a desfolhar

E os cartões apaixonados
Entregues com caixa de chocolate
Que nem os papéis
Foram desenrolados

Em 60 segundos
Você já percebeu
Que eu não mereci
O desprezo que você me deu

Já arrependida
Pede-me desculpas
E mesmo sem querer   
Eu aceito
Porque não consigo vencer
Esse seu jeito

Magoado
Tento te esquecer
Mas num piscar de olhos
Vou correndo pra você

Porque o amor quando bate
Bate pra ficar
Sem aviso
E sem hora de chegar
               
Desculpe se eu insisto
Pois não queria dizer
Como não tem cura
Ainda AMO VOCÊ!

                                                       André Caldas       1991

Nenhum comentário:

Postar um comentário