Pesquisar neste SITE

sábado, 4 de setembro de 2010

Vozinha (minha segunda poesia, aos 13 anos)

                                                                               Poesia de № 001

Vozinha querida
Do meu coração
Neste dia tão lindo
Não tenho um tostão

Mas não fique triste
Porque um dia
Lhe darei um presentão

Passei na floricultura
Mas não tinha
Nenhuma flor para lhe ofertar
Porque era tudo feia
E não combinava com seu olhar.

                                            André Caldas   10/05/89

2 comentários:

  1. Amigo lindo e querido, bem vindo ao mundo dos Blogs!!! Que bom que finalmente fez o seu! Agora vamos nos seguindo, incentivando e apoiando sempre!! TL.. bjosssss

    ResponderExcluir
  2. Parabens pela veia poética. Vc surpreendeu.

    ResponderExcluir