Pesquisar neste SITE

quarta-feira, 8 de setembro de 2010

SONETO ANADIPLOSE

                                                                               Poesia de № 005

Ah! Se eu pudesse definir
Definir ao certo meu amor
Amor que bem tenho por ti
Por ti abro mão do que bem for

Bem for preciso pra te amar
Te amar de todo coração
Coração não nego a te dar
Te dar na mais pura emoção

Emoção boa pra guardar
Guardar pra nunca te esquecer
Esquecer que um dia virá

Virá porque eu quero te ter
Te ter e jamais a deixar
Deixar jamais: eu amo você.

                                             André Caldas 1991

Um comentário:

  1. Adorei todos! Muito bom. Também escrevo muitos poemas, adoraria ter essa coragem de publicá-los. Parabéns

    Camilafreitastma@hot... ou yahoo

    ResponderExcluir