Pesquisar neste SITE

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

MASOQUISMO

                                                                               Poesia de № 021

É impressionante
Como as coisas acontecem
Posso estar feliz nesse instante
E logo meu eu se entristece
O amor tem razões
Que a própria razão desconhece

Podem me dizer
E tentarem me explicar
Que não vale a pena sofrer
E por ninguém se sacrificar
Mas eu duvido, porque
Eu nasci para amar
               
Mas se nem tudo é amor
A vida há de mostrar
Cada um tem seu valor
Vejo o meu e não quero olhar
Mesmo tendo pudor
Ela é quem eu quero valorizar
               
Ainda que não me queira mais
Que tudo já tentei fazer
Ainda sim eu sou capaz
De te amar e de sofrer
Na esperança de você voltar atrás
E dar razão ao meu viver

Posso ainda dizer
Que já chega de chorar
Que cansei de sofrer
Que agora eu vou mudar
Mas é mais fácil que você me ame
Do que eu deixe de te amar.

                                                                  André Caldas        18/07/96

Nenhum comentário:

Postar um comentário